sexta-feira, 29 de março de 2013

MQ

Verde para que te quero árvore, para que te quero vivo se posso pintar as paredes, posso construir um jardim de raridades. Verde para que te quero chão para sujar meus pés, se tenho rodas para rolar em vão. Vida para que te quero viva se vivo só esse momento e o amanhã não é meu, é de alguém que nem nasceu. MQ Liger

Sem comentários:

Enviar um comentário