terça-feira, 9 de julho de 2013

palavras minhas

Não vou dizer o que não falei, não sinto, nem sei o que é, falo palavras minhas, respostas guardadas, psicografadas, que vem do planeta eu, jogo fora em formas de letras, no papel, na tecla sonora.
E o som atravessa o tempo para me fazer companhia, movimenta, alimenta, canta, encanta, enquanto eu desfaço em poesia, o amor, a flor, o dia. Liger Pimenta

Sem comentários:

Enviar um comentário