terça-feira, 30 de maio de 2017

Sonhos

Que sonhos libertadores agonizem seus travesseiros, para que sua mente desperte com o acordar. Amanhã é preciso ser você novamente, mas não precisa levar toda mazela do que você foi hoje. Amanhã, pássaros planarão abaixo das nuvens, que escondem os peixes voadores, e você estará aqui a olhar tudo, sem voar nada, mas perceba que algo incomoda nas suas costas, suas asas precisam de sonhos, não os deixem nos travesseiros. Liger Pimenta

ciranda que gira na minha cabeça

Como viver no mundo que está lá fora? Parece que viajei no tempo ou de algum lugar no espaço onde não é permitido voltar. Onde a infância nunca acaba, e a desordem é só um faz de conta que a juventude movimenta para viver. Tenho o escudo contra a lamina do monstro, que quer me jogar no esgoto da mentira. Minha salvação é a intensidade das palavras que preenchem a linha do meu pensamento e cantam a musica do meu querer, é a brincadeira de esconde esconde, onde a criança louca contou até cem. Não sei sair dessa ciranda que gira na minha cabeça, não sei parecer normal. Liger Pimenta

terça-feira, 23 de maio de 2017

recomeço

O melhor da vida é que vc tem alternativa de um recomeço. Respire fundo e mergulhe de novo. Liger Pimenta

sábado, 20 de maio de 2017

vozes caladas.

E tudo que preciso são das vozes caladas.
Do beijo quente de uma boca doce. 
Um abraço voador, que me leve para o céu azul de uma noite estrelada.
Onde cedo ela sorriu quando o sol foi embora.
Preciso do ar do mar do meu coração. 
Da terra, quando volto dos livres espaços da minha mente. Liger Pimenta