segunda-feira, 9 de abril de 2018

Faz algum tempo que guardei meus sonhos, esqueci do quanto sou capaz de vive-los. Nessa solidão acompanhada. percebi os sonhos alheios, e vi que não estava neles. E pensei: Pera aí! Por que estou fazendo papel de coadjuvante, se na minha vida, sou o personagem principal? Se as regras do sistema dizem que não sou capaz, porque meu tempo já passou. Dane-se todas elas! Sinto-me muito bem, até para escalar o K2. E convido vc que se esqueceu também, a fazer o mesmo, seremos muitos nessa decisão. Bom lindo dia!

quinta-feira, 5 de abril de 2018

O que me preserva é o que me faz forte, impermeável, incontida. Procuro não somente o pão pra alimentar minha fome, mas emoção pra alimentar a alma, que entre a vida e a morte escolhe viver bem mais que respirar.
Quero puder partir sem culpa, sem ilusão, mas levando o sonho de um novo encontro numa nova hora, em um novo tempo que quer existir.

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Liger Pimenta atualizou a foto da capa dela.
É bom o mundo girar senão tudo vira rotina. E nós nos acostumamos e o tempo passa igual sem novidades. Podemos sim, experimentar o gosto particular de cada pedacinho desse presente que nos é oferecido. Sem culpa dos minutos de felicidade, mas com amor e vontade de permanecer.

MQ

Liger Pimenta atualizou o próprio status.
O que acreditar ? Quantas mentiras vc acredita todos os dias? Quantas vc inventa para si? Qual é a verdade? O que vemos ou o que somos? Saber acreditar talvez seja a unica alternativa, mas para isso temos que desenvolver a consciência, ela está além do que pensamos, ela tem voz para quem permiti escutar. Ela é a resposta, lá mora a verdade. MQ Liger Pimenta

terça-feira, 3 de abril de 2018

Liger Pimenta
Quando amanheço um passarinho canta na minha janela, para me lembrar que sou livre, e a única coisa que me prende é o medo e a incapacidade de ser feliz. Liger Pimenta

segunda-feira, 2 de abril de 2018

Liger Pimenta atualizou o próprio status.
Teus olhos me olham nos pensamentos, minha voz enfim calou. Você levou meu coração, me baniu do mundo dos vivos. Não sou mais flor, minha dor é desejo escondido, meu prazer mora distante, perdido. O ar não falta mais, e o sorriso é amarelo. Minha cor não tem mais tinta. Liger Pimenta
Liger Pimenta atualizou o próprio status.
Nesses dias que fechamos as portas e as janelas, a voz é engolida, o sorriso abandonado. Falta ar, falta luz.
Esquecemos quem somos, para que somos.
Dia de longa noite, sem lua, sem rua.
É melhor dormir.